Os 10 hábitos das pessoas super fit

Escrevi algumas crónicas para a New in town que também serviram de inspiração ao meu livro Correr para emagrecer. Nesta crónica falo sobre os 10 hábitos das pessoas super fit.

Os 10 hábitos que pessoas super fit

Ao longa da minha carreira tenho percebido que a maioria das pessoas que inicia um processo de treino ou dieta acaba por não conseguir fazê-lo durante muito tempo, inicialmente motivadas pelas resoluções de ano novo, pelo verão ou perceberem que estão demasiado sedentários e com peso a mais, as pessoas inscrevem-se em ginásios, começam a correr, juntam-se a grupos de treino, entre outros, mas a grande maioria após um mês acaba por desistir e perder um ímpeto inicial. Sei que isto acontece por falta de método e por uma má definição sobre os objetivos fundamentais. Por essa razão parece-me pertinente passar alguns dos hábitos que pessoas super fit costumam ter.

  1. Nunca perdem uma 2a Feira de treino

Após dois dias de fim-de-semana uma das regras fundamentais é começar a semana a treinar, começar na 3a é demasiado tarde e começar na 4a é pôr em causa uma semana de treino. Isto acontece principalmente às pessoas que treinam determinados grupos musculares por treino, ao começarem tarde a semana acabam por não conseguir realizar o programa de treino na integra.

  1. Estabelecem objetivos grandes e pequenos

Parece confusão mas não é, podemos dar o exemplo da perda de peso, o objetivo grande é perder peso, mas até este se concretizar deve-se estabelecer pequenos objetivos (intermédios) que nos mantêm focados e motivados, que pode ser por exemplo correr um prova de 10 km em menos de 1 hora.

  1. Participam em desafios

Naturalmente o ser humano é competitivo e o facto de nos desafiarmos com regularidade mantém-nos alerta e dependentes do treino para conseguirmos cada vez melhores resultados. Exemplo deste tipo de desafios são as provas de corrida (10km, 21km, 42 km), os trails, os triatlos ou simplesmente o desafio de fazer 40 flexões de braços em menos de 1 minuto.

  1. Não se acomodam com o aborrecimento

Sempre que começam a sentir que não estão no sítio certo ou com as pessoas certas procuram soluções que as levem a sentir-se novamente motivadas. Este tipo de pessoas facilmente encontram outras atividades físicas que naquele momento as satisfazem. Conheço pessoas que adoravam correr em estrada, mas assim que sentiram perto o aborrecimento passaram a fazer trails, outros que faziam ginásio e passaram a fazer Zumba, outros ainda que praticavam futebol e agora preferem o padel.

  1. Procuram atividades que provocam desafios físicos e mentais

Não existe a mínima possibilidade do treino ser um tédio, existe sempre a presença de um desafio físico que só pode ser ultrapassado com uma mente forte, capaz de fazer mais uma repetição dum movimento, mais um km, mais uma música ou mais 1 minuto.

  1. Não passeiam no ginásio/treino

As pessoas fit quando vão para treino, têm de sentir o treino, não vão conversar, ler revistas ou ver televisão, o focu total é no treino e no objetivo daquele dia especifico.

  1. Estabelecem uma rotina de treino semanal

Em tempos um cliente disse-me que o ginásio era a sua igreja, hoje entendo com maior clareza a afirmação, a rotina de treino semanal com um horário e dias fixos ajudam as pessoas a serem disciplinadas com os seus objetivos e os resultados vêm do cumprimento do método.

  1. São regulares

A regularidade é a melhor palavra que encontro para definir o futuro sucesso num programa de treino. As pessoas fit são regulares, se viajam em trabalho procuram um hotel perto dum parque para correr ou com ginásio para manter a sua rotina de treino, se existem festas ou ocasiões sociais estas não são desculpas para manter as rotinas de treino, se estão de férias então ao contrário de outros esta é a melhor altura do ano para treinar, consideram que nessa altura têm mais tempo e disponibilidade.

  1.  Não têm desculpas

As desculpas poderão ser muitos, basta querer, a decisão mais fácil é a de não fazer nada, este tipo de pessoas pensam ao contrário e encontram sempre desculpas para treinar.

  1. Disciplina com o treino, alimentação e repouso

As pessoas fit, treinam, alimentam-se e descansam bem, para elas é impensável que as horas de dedicação ao treino sejam postas em causa porque a alimentação é má, tendencialmente quanto melhor for a qualidade do treino, maior será a capacidade da pessoa comer bem . Em relação ao repouso, felizmente o exercício físico tem um efeito muito positivo sobre a qualidade do sono e se este for bom potencia a recuperação física e a regeneração de tecidos fundamentais para reequilíbrio físico e mental para o treino seguinte.

 

New in town – www.nit.pt

A NiT é uma revista online portuguesa de lifestyle, cultura e lazer.

Artigo NIT – Pedro Almeida – 2

Foto: Pau Storch / Raquel Brinca

Tell Us What You Think
0Like0Love0Haha0Wow0Sad0Angry

0 Comments

Leave a comment